gravidaA gravidez é para mim uma benção. Sentir o crescimento e desenvolvimento de uma pequena vida dentro do nosso corpo, parece-me de facto uma experiência única, e apesar de alguns incómodos que uma gestação possa trazer,  estar grávida é muito gratificante. No entanto, uma gravidez e posterior condição de mãe são situações muito exigentes, necessitando que a mulher se encontre nas melhores condições possíveis, tanto físicas como psicológicas. Às vezes não é possível, e temos um grande problema uma vez que na gestação devemos evitar ao máximo o uso de medicamentos.

Para grandes males grandes remédios, foi recentemente apresentado em Chicago o resultado de um estudo que defende a eficácia do tratamento por acupuntura da depressão em mulheres grávidas. Os autores deste trabalho defendem que esta técnica milenar chinesa, constitui uma possibilidade de tratamento da depressão barato, e com poucos efeitos colaterais  que deve ser levada em conta, na medida que os anti-depressivos podem ser muito prejudiciais ao desenvolvimento do feto.

Nesta investigação foram analisadas 150 mulheres grávidas e com depressões graves, durante 8 semanas. Num grupo aplicou-se o tratamento para a depressão através da acupuntura e no outro uma falsa acupuntura, que não visava tratar a depressão.

O resultado foi claro, as mulheres que foram realmente tratadas à depressão por acupuntura apresentaram melhorias significativas.

A depressão durante a gravidez é uma temática deveras preocupante, uma vez que tem efeitos negativos sérios tanto na mãe como no bébé e em todos os que privam de perto com alguém nesta situação.